menu close menu

Post

Diário de Viagem | Paris parte I

DIARIO DE VIAGEM BANNER

 

Ahhhhh Paris!!! Destino perfeito para passar a lua de mel com seu maridinho!!! A cidade tem um ar de romantismo e qualquer passeio que você faça, por mais simples que seja, será delicioso, charmoso, MARAVILHOSO!

Queridas leitoras, hoje o Diário de Viagem fará uma incrível viagem para Paris e te convido a embarcar com o blog nesse destino perfeito!

paris 3

 

A série será dividida em 2 posts, pois o destino exige riqueza de detalhes para que a viagem seja a mais perfeita e completa possível. Veja algumas dicas importantes para uma lua de mel incrível:

 

 

COMO CHEGAR (2)

 

 

Partindo de Salvador não existem voos diretos para Paris. As empresas que operam são: TAM, AIR EUROPA, AIR FRANCE, KLM, TAP, IBERIA, LUFTHANSA, QATAR  e BRITISH AIR.

Não esqueça que são 2 aeroportos internacionais: o Charles de Gaulle (CDG) que é maior e está a 23 km  da cidade e o Orly (ORY) que fica a apenas 12km ao Sul de Paris.

 

Tarifas das passagens:

Os valores iniciam em torno de R$ 2.500,00 (ida e volta p/p com taxas), é claro que pesquisando podemos encontrar valores menores, porém para Paris as promoções não são tão boas como para outras cidades como Lisboa e Madrid. Vale a pena incluir uma delas no seu roteiro para baratear os custos e prolongar a viagem. (Em breve teremos estes destinos aqui no Diário. Aguardem!!)

Pensando nisso e na imigração por Portugal que eu preferia, meu roteiro de lua-de-mel foi:  SSA – LISBOA (4 noites) – BARCELONA  (4 noites) – PARIS  (6 noites)– MADRID (4 noites) – SSA. Os voos internos lá são muito baratos, mesmo aqueles que não são “low-cost”. Se você pretende ir a outras cidades da Europa, pode comprar as passagens sequenciadas. Dê uma olhada no site da KLM (www.klm.com)  e selecione “múltiplos destinos”. Sai muito em conta!!

Fique atenta à franquia de bagagens dos voos , aeroportos e terminais de embarque.

 

Milhas: Já foi mais barato viajar com milhas, mas se você as tem disponíveis, utilize-as!! A partir de 35.000 o trecho você encontra passagens para a Europa. Dica importante: ligando para a TAM você consegue comprar passagens através das companhias parceiras que às vezes pode ser mais barato que os voos operados pela TAM que você compra através do site. Comprei minhas passagens pela TAP e foi mais barato. Atenção! A TAM saiu da Star Alliance e mudou para a One world, e com isso as companhias parceiras mudaram!

 

Para as noivinhas que vão casar este ano, fiz uma pesquisa rápida no Edreams  e encontrei esses valores para voos nos meses de abril, julho e setembro:

 

VOOS SALVADOR X PARIS (sem taxas)

ida: 07/04  volta: 16/04 R$ 2.060,50 (Air Europa)

ida: 07/07  volta: 15/07 R$ 3.554,49 (TAP)

ida: 08/09  volta: 17/09 R$ 2.894,73 (IBERIA)

 

ONDE TURISTAR

 

Vamos começar pela chegada ao aeroporto. Há diversas maneiras de ir ao hotel, tudo vai depender de onde

você vai se hospedar e quanto quer gastar: 

 

Taxi

Traslados com empresas

Trem RER-B (€9,10): Talvez você precise combinar o trem com metrô/taxi. E se seu aeroporto é o Orly, você deve pegar o metrô automático Orlyval, que sai de dentro do aeroporto e descer na estação Antony para pegar o trem RER-B. É super fácil.

Royssibus (€ 10): Liga o Charles de Gaulle a Paris. Consulte informações AQUI.

Ônibus da Air France: NÃO são exclusivos para clientes, qualquer um pode comprar os tickets, acesse o site AQUI.

 

Para passear, a cidade luz possui os ônibus hop on – hop off, o “Paris L’Open Tour”. Se sua estadia é curta, vale a pena. É uma boa opção também para se ter uma visão geral da cidade. São muitas opções de roteiros e combinações, acesse o site  (clique AQUI) e escolha o que mais te agrada. 

 

Se você vai ter muitos dias para turistar, opte por fazer passeios a pé, de metrô, trem, taxi ou ônibus. O transporte público é muito bom. O metrô é extenso e as estações são bem explicadinhas, fica tranquila que você não vai se perder! E se precisar de ajuda, com certeza vai ter algum brasileiro por perto pra te ajudar! Hahaha Dê uma olhada na rede:Clique AQUI e AQUI.

 

É fácil andar de ônibus e você não vai precisar ficar perguntando nada ao “cobrador”, rsrs. Os pontos têm as informações sobre as linhas e um letreiro com quanto minutos faltam para o ônibus vai passar, isso é perfeito!

 

Dica importante: Ao utilizar ônibus, metrô ou trem, não joguem os bilhetes fora antes de chegar ao seu destino! Existem fiscais fazendo a conferência que entram durante o trajeto. Também precisei do bilhete do trem para passar na catraca quando desci na estação.

 

Amo fazer passeios a pé, pois nos possibilita desfrutar mais dos lugares, conhecer um pouco mais da vida local. Vá do Trocadero ao Arco do Triunfo em alguns minutos.  Deixe o taxi para a noite.

 

ONDE-FICAR-1-1024x204

 

As opções de hospedagem são inúmeras, de hotéis simples a maravilhosos 5 estrelas! Isso você que vai decidir. Para facilitar sua pesquisa, defina a categoria do hotel, localização e faixa de preço que procura. Se puder, não opte pelos hotéis que ficam aos arredores de Paris, você gastará muito tempo para chegar ao centro e às grandes atrações turísticas. Como já falei no post anterior, não deixe de conferir as opiniões dos hóspedes sobre os hotéis AQUI. Entenda os bairros de Paris, os arrondissements. São numerados de 1 a 20, quanto mais próximo do 1, mais próximo do centro. E claro, quanto mais central, em geral, mais caro. 

paris

Algumas dicas:

 

– Se você gosta de agitação noturna, escolha um desses locais: Quartier Latin/St.-Michel, St.-Germain, Montparnasse, Bastille, Grands Boulevards, Montmartre, Champs-Elysées.

 

– Bairros charmosos: Marais, île St.-Louis, Canal St.-Martin, Luxembourg, 7ème, 8ème

 

– Arrondissements 1 e 2: Por serem bem centrais, te possibilitam fazer vários passeios a pé e tem sempre uma estação de metrô por perto. Ponto negativo: Não são bairros tão bonitos quanto os outros, e à noite não tem movimento.

 

– Arrondissements 3 a 6: Bairros super lindinhos, tão centrais quanto o 1 e 2.

 

Me hospedei no arrondissement 10 (Gare de l’Est) e não me arrependo! O hotel ficava perto da estação de metrô Gare de l’Est e da estação de trem Gare du Nord. Optei pela relação custo x benefício. Porém, durante a noite não era tão movimentado. Para ir ao trocadero, pegava um ônibus que me deixava do outro lado da rua! Se você fizer a combinação metrô x trem RER-B na sua chegada, a estação Gare Du Nord está no caminho, e de lá também partem os trens para Versalhes.

 

Paris é uma cidade incrível, linda e muito rica em todos os seus detalhes. O que fazer, onde comer e quanto levar serão cenas do próximo post do diário! Aguardem, ainda essa semana Díário de Viagem Paris parte II.

 

DIARIO DE VIAGEM BANNER LAIS (1)

2 Comentários para “Diário de Viagem | Paris parte I”

  1. Wellington disse:

    Boa tarde!
    eu possuo 2 ingressos adultos para a Disney Paris. São ingressos Mini,que te dá direito a 1 dia /2 Parques (visita somente durante a semana). Os ingressos são em forma de voucher recebido por e-mail, comprados diretamente do site da Disney e tem validade até 17/08/2016, também são nominais. Estava programando visitar Paris em Maio/16, mas infelizmente não poderei ir, por isso estou me desfazendo dos ingressos (com muita dor no coração), caso alguém queira adquiri-los com preços mais em conta do que o que consta no site.
    Obrigado!

Deixe seu comentário